Anuncie

(21) 98462-3212

Natureza selvagem: Casuar, a ave mais letal do mundo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
O casuar não voa, mas salta até 2 metros de altura, chega a correr até 50 km/h e seu chute pode ser mortal. Foto: Reprodução

A probabilidade de você cruzar com um casuar (Casuarius casuarius) pelo caminho não é grande, visto que, aqui no Brasil, sua criação é pequena. Mas, se por acaso acontecer, fique esperto para dar um pinote para bemmm longe dessa grande ave, originária da Austrália e da Papua Nova-Guiné, que é considerada uma das mais perigosas do mundo. Mas, tem que ter sebo nas canelas mesmo, porque ela chega a correr até 50 km/h!

Bela, imponente, exótica e irritadiça, essa ave é o que se pode chamar de peso-pesado de penas. Principalmente a fêmea, que tem de 1,8 m a 2 m de altura e pesa cerca de 59 kg. Ui! Imagine só tomar uma patada, hein? O macho é menor, com 1,60 m a 1,70 m e 29 kg a 34 kg. Ambos têm temperamento agressivo e são capazes de derrubar uma pessoa com um chute – que pode ser mortal, já que suas unhas potentes rasgam a carne. As garras são localizadas nos três dedos dos pés e podem passar de 12 centímetros de comprimento.

O casuar ataca a vítima com chutes. Foto: Reprodução

O casuar não voa. Suas plumas não foram feitas para isso, mas para se proteger em seu habitat natural, a selva tropical. Elas mantém o casuar seco e a salvo dos afiados espinhos. Em compensação, é boa de saltos, sendo capaz de saltar até 2 metros de altura. Para evitar brigas convém deixar o macho isolado, a não ser para formar casal na época da reprodução. Põe ovos uma vez por ano, podendo colocar mais de 10.

Além dos ataques a humanos, cachorros também costumam ser perseguidos pela ave. O casuar odeia cães porque é muito caçado por dingos – espécie de cão selvagem da Austrália. O ataque pode ser feito com chutes da ave para frente e para trás.

Ficha técnica:

Nome científico: Casuarius casuarius
Classe: Aves
Ordem: Struthioniformes
Família: Casuariidae

Características: A fêmea da espécie costuma ser maior que o macho, chega a medir cerca de 1,70 m a 2 m de comprimento e pesar 59 kg. Possuem cabeça e pescoço sem penas, na cor azul e vermelho negrito, o restante do seu corpo é coberto pelo preto ou por um marrom escuro.

Distribuição Geográfica: Nativa da Oceania.

Habitat: Habitam principalmente florestas tropicais, onde há um grande número de árvores disponíveis para produzirem os frutos de que se alimentam.

Casuar e seu filhote. Ela faz seu ninho no chão, sobre uma camada de vegetação. Foto: Reprodução

Alimentação: Frugívoro. Mas também podem se alimentar de insetos, pequenos vertebrados e fungos.

Reprodução: A fêmea da espécie é poliândrica, pois ela propiciará com 2 ou 3 machos. Faz seu ninho no chão sobre uma camada de vegetação, e geralmente deposita quatro ovos – podendo colocar mais de 10 -, que serão incubados por até 61 dias.

Expectativa de vida em cativeiro: Entre 20 a 40 anos.

Status de Conservação: Pouco preocupante.

Curiosidades: Considerada como a ave mais perigosa do mundo devido os seus mecanismos de defesa que tem nas asas e patas.

Com informações de: WikiAves e Ornitologia Brasileira.