Anuncie

(21) 98462-3212

Os cães veem TV. Mito ou verdade?

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Especialista em comportamento animal diz que pode a TV pode ser apenas uma ferramenta para abafar sons exteriores que provocam ansiedade nos pets. Foto: Unsplash

Deixar o animal de estimação sozinho em casa pode ser motivo de ansiedade para tutores e pets. A utilidade da televisão como método de entretenimento tem gerado muita discussão. Não existe consenso, no entanto é certo que, mesmo os animais que prestam atenção à televisão, fazem-no apenas por curtos períodos.

Cláudia Estanislau, especialista em comportamento animal, afirma que “os cães não se ocupam ao assistirem televisão” e embora possa haver alguns que gostam de olhar para a tela, não deve ser uma forma de ocupar os peludos. “Se utilizarmos a televisão no sentido de entreter, trata-se de uma antropomorfização (projeção de características humanas no animal)”, o que não é correto, alerta.

No entanto, em 2012 foi fundada a Dog TV, o primeiro canal de televisão para cães. Prometem “amor, conforto e entretenimento”, baseados em pesquisas científicas de que os conteúdos transmitidos são enriquecedores para os animais de companhia.

A fundadora e treinadora da It’s All About Dogs discorda. Diz que a televisão não significa nada para a maioria dos cães e pode ser apenas uma ferramenta para abafar sons exteriores que provocam ansiedade nos animais. “O som da TV pode ajudar para que eles não se assustem nem reajam a barulhos fora da casa, mas é necessário ter atenção os conteúdos”, ressalva Cláudia Estanislau. “Barulhos fortes e repentinos durante os programas podem causar o efeito contrário ao pretendido”, completa.

Mesmo nas exceções que veem algo na televisão, a diversão é curta, garante a treinadora. Para o entretenimento dos amigos de quatro patas na ausência dos tutores, ela aconselha a alimentação como atividade. “Em vez de dar comida na vasilha ao final do dia, é possível espalhar comida pela casa ou colocar um pouco recheando um brinquedo, sendo um desafio para o animal ir em busca de alimento durante várias horas.”

Fonte: Notícias Magazine